PROGRAMA CIDADE SUSTENTÁVEL

Projeto Luiz Gonzaga (2016-2018) - O Residencial Comunitário Luiz Gonzaga é um projeto habitacional que envolve famílias de 20 entidades de vários bairros de Fortaleza. O projeto prevê  a construção de 1760 unidades habitacionais, divididas entre o CEARAH Periferia (640), Habitat (624) e a Federação de Bairros e Favelas (496). Outro importante papel desse projeto é o estímulo ao cooperativismo e à participação popular no protagonista de ações dentro das temáticas habitacionais.

Projeto de Regularização Fundiária (2006-2009) – (2010-2012) – Tem como objetivo fortalecer e acompanhar o processo o processo judicial para a Regularização Fundiária de 1.450 famílias, da comunidade Planalto Pici, em Fortaleza. Iniciativa apoiada pelo Ministério das Cidades.

Projeto Viver Melhor no Presidente Vargas (2012)  Projeto de melhoria da qualidade habitacional, fortalecimento comunitário e geração de renda de 60 famílias no bairro Presidente Vargas. Iniciativa apoiada pela Adelco (Associação para o desenvolvimento local co-produzido, Habitat para Humanidade Brasil) e pelo SELAVIP (Serviço Latinoamericano, Africano e Asiático de Habitação Popular).

Projeto Reforma Mais (2010-2011) – Programa de Solução Integrada para obras de melhoria habitacional de população de baixa renda. Buscou facilitar o acesso ao micro crédito e a Assistência Técnica para reformas e melhorias através de parcerias entre Instituições Financeiras, Organizações Sociais e Empresas do setor de construção. Iniciativa apoiada pela ASHOKA – Empreendedores Sociais, ABCP (Associação Brasileira de Cimento Portland, Banco do Nordeste e IFCE – Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará).

Projeto Redescobrindo a Cidade (2007-2010) – Teve por objetivo fortalecer a atuação do movimento popular urbano local, oferecendo às lideranças populares da Região Metropolitana de Fortaleza noções de Planejamento Urbano e Legislação Urbana, sensibilizando-as para a necessidade da participação e ação comunitária integrada nos processos de gestão da cidade, aumentando a capacidade de reivindicação, proposição e negociação da população junto ao poder público. Iniciativa apoiada pela organização irlandesa Trocaire.

Projeto Operações Coletivas do FGTS/Residencial Dourados (2008-2009) – Teve como objetivo, além da construção das 50 casas, a constituição de uma comunidade, a partir de todos os trabalhos direcionados a participação ativa, ao associativismo e a cooperação de todos e todas para uma mesma causa. Iniciativa apoiada pela organização Habitat para a Humanidade, Prefeitura Municipal de Horizonte (Ceará) e Caixa Econômica Federal (recursos das Operações Coletivas do FGTS).

Projeto PROZEIS (2008-2009) – Intercâmbio com experiência bem sucedida de Recife que buscou desencadear um estudo e qualificação técnica, com vistas a influenciar politicamente os diferentes atores sociais para a criação de Programa e estrutura organizacional da gestão das Zonas Especiais de Interesse Social (Zeis). Iniciativa apoiada pela organização irlandesa Trocaire.

 Projeto de Apoio à Gestão Democrática (2007-2009) – Realizou processos de capacitação e formação do movimento social e comunitário através da Escola de Planejamento Urbano e demais projetos. Tem como eixos de atuação o fortalecimento do trabalho em rede, o fortalecimento da atuação de jovens lideranças comunitárias, o monitoramento das políticas de habitação popular, planejamento e gestão e a exigibilidade de direitos. Iniciativa apoiada pela OXFAM.

PROGRAMA DE ECONOMIA SOLIDÁRIA E GÊNERO

Projeto A Força da Mulher (2012-2014) – Tem como objetivo principal fortalecer 900 mulheres, política e economicamente, contribuindo para o desenvolvimento local sustentável nos municípios de Ocara, Pacatuba e Quixadá no Estado do Ceará. Iniciativa apoiada pela União Européia.

Refinando Pessoas (2011-2013) – Se propõe a capacitar para o mercado de trabalho, 100 Jovens e Adultos, na faixa etária entre 18 e 29 anos, em situação de vulnerabilidade social, moradores das comunidades do Grande Mucuripe e Vicente Pinzon, em Fortaleza-CE, oportunizando-lhes o fortalecimento de suas habilidades e interesses. Iniciativa patrocinada pela PETROBRAS.

FAPAG (1998-2010) – O Fundo de Apoio a Projetos de AutoGestão realizou serviços de capacitação em Economia Popular Solidária, com financiamento pontual a empreendedoras/es atendidos pelo CEARAH Periferia. Beneficiou 6.520 famílias, em Fortaleza, a partir de um processo de formação e articulação política pautadas nos princípios da Economia Popular Solidária e da equidade de gênero. Iniciativa apoiada pelo Comitê Católico contra a Fome e pelo Desenvolvimento (CCFD)/ França.